Início » Corpo » Bem-estar » Ayurveda: uma caminho rumo a vida plena, com bem-estar.

Ayurveda: uma caminho rumo a vida plena, com bem-estar.

O padrão de vida hoje em dia conhecemos bem: basta acordar e a todo momento somos bombardeadas com excesso de informação e cenas de violência, poluição sonora no trânsito e a que inalamos, alimentos repletos de agrotóxicos e falta de contato real, olho no olho, com quem a gente quer bem. Afinal, já não há mais tempo para o que realmente importa. A vida na correria nos faz mal, dia após dia, silenciosamente. Como mudar essa rota e seguir por um caminho onde a gente deixe de acumular tanta coisa ruim ao longo de nossos dias e, justamente por isso, adoeça menos, ampliando nossa sensação de bem-estar? Ayurveda pode ser um caminho…

AYURVEDA-SAUDE-BEMESTAR

Fonte: lakpuratravels via Foter.com / CC BY

 

A Ayurveda pode ser compreendida como um sistema tradicional de saúde praticado na Índia há milênios. Parece exagero falar em milênios, mas de fato trata-se de uma ciência de quase 5 mil anos, que surgiu da dedicação de homens sábios, absortos no silêncio e na meditação. Por meio da observação de si mesmos, dos seres vivos, da natureza e de seus ciclos, investigando o nosso funcionamento orgânico em harmonia com a natureza ao redor, desenvolveram uma teoria natural de manutenção de saúde e cura. Tais sábios, conhecidos como rishis, fizeram conexões entre nossos processos naturais, observando reações do próprio corpo em relação a cada planta e mineral, verificando a influência do clima e estações sobre nossas funções orgânicas, sentindo detalhadamente a influência de cada evento da natureza sobre nós. Perceberam, por exemplo, que durante o frio do inverno o corpo necessitava de cuidados distintos daqueles que o verão demandava. Assim, classificaram os alimentos mais adequados para cada estação do ano. Observaram também que existiam distinções entre cada ser vivo, e mesmo entre seres da mesma espécie havia categorias com funcionamentos particulares. Desta forma, criaram tipos básicos de funcionamento de cada espécie, desenvolvendo o sistema de dosha ou biótipos humanos.

A investigação também se voltou para o interior do corpo. Sem que necessitassem dissecá-lo com um bisturi físico, identificaram o centro mais direto e consistente de nossa interação com o ambiente: o estômago.  Perceberam que os alimentos que ingerimos exercem influência em nosso equilíbrio físico e mental, e apontaram a digestão perfeita como a maior fonte de saúde.

A Ayurveda está sempre se atualizando com o surgimento de doenças da modernidade e o desenvolvimento de novos procedimentos médicos. Contudo, continua apontando a boa digestão, o consumo de alimentos e ervas como essenciais para a saúde.

Para surpresa de muitos, a Ayurveda não é uma medicina mística ou apenas alternativa, e sim uma medicina reconhecida pela Organização Mundial de Saúde como ciência eficaz no tratamento e prevenção de doenças. Em alguns países é a medicina oficial. Na Índia existem mais de 100 faculdades de Ayurveda, a maioria financiada pelo governo do país, havendo também instituições particulares. Todas as instituições seguem um programa de cinco anos de duração e é preciso passar por uma rigorosa avaliação a fim de se receber o honroso título de B.A.M.S. (Bachelor in Ayurvedic Medicine and Surgery).  Há ainda outros títulos referentes às áreas de pesquisa e filosofia. Logo, podemos seguramente afirmar que a Ayurveda é um sistema de saúde organizado e muito bem estruturado, para prevenção e tratamento de problemas de saúde.

Literalmente, “Ayur” significa “vida”, e “Veda”, significa “conhecimento” ou “ciência”.

Portanto, AYURVEDA é a ciência da vida. Nosso corpo nasceu para ser saudável e nossas células mantêm esta saúde se lhes oferecemos os alimentos adequados. Por esta perspectiva, curar é deixar que o corpo volte a desempenhar suas funções naturais de forma equilibrada, por meio de uma alimentação saudável, rotina de vida, pensamentos, aspirações harmoniosas e amorosas. Cada uma de nossas células possui uma inteligência inata para cumprir adequadamente suas funções. Não há o que lhes ensinar, basta permitir que sigam sua trajetória de saúde e felicidade.”

O texto que você acabou de ler foi retirado do livro O SABOR DA HARMONIA, de Laura Pires, que é Terapeuta Ayurvédica no Rio de Janeiro, e leva seu trabalho ao país inteiro através de palestras e cursos de culinária baseada na Ayurveda. Laura gentilmente se colocou como nossa consultora no post de hoje no Trololó de Mulher, cuja proposta é nos levar a refletir sobre a necessidade de a gente vivenciar o momento presente, sobretudo na hora da alimentação. Precisamos sentir os sabores, sem pressa, e com prazer. Entenda, a seguir, o porquê.

Há muitas outras variantes que impactam na nossa qualidade de vida, e muitas delas passam apenas pela observação de nós mesmas, do que sentimos diante de algumas situações. Podemos tomar alguns cuidados, num ato de carinho com o nosso corpo, alma e mente, e o resultado é que podemos minimizar muitos desses danos diários, garantindo qualidade de vida e ausência de doenças. “Segundo Ayurveda, adoecemos por que perdemos a conexão com nosso próprio ser, perdemos a conexão com nossos sentidos, com a nossa essência e com tudo aquilo que nos mantêm em perfeito estado de equilíbrio, adoecemos por que perdemos o contato com a natureza, por que paramos de dar atenção devida para as nossas relações familiares, para os amigos, para o vizinho. Adoecemos por que não respeitamos os nossos sentimentos, os nossos momentos de tristeza, de alegria e de gratidão. Adoecemos por que não paramos para respirar de forma adequada, dormir o suficiente, por que deixamos de nos exercitar, de caminhar, de comer, ou por que comemos em demasia, por que intoxicamos a nossa pele. Adoecemos simplesmente por que paramos de observar e viver de verdade essa experiência”, explica Laura, nos dando sinais de por onde devemos promover a mudança de alguns dos nossos hábitos, isto é, gradativamente virar a chave e passar a viver de maneira mais saudável.

Trololó de Mulher >>> Em que sentido o modelo de vida atual contribui para a baixa qualidade de vida?

As doenças que mais matam a população mundial hoje, e também no Brasil, segundo os dados oficiais (que antes eram doenças infecciosas e parasitárias), são o AVC, as doenças respiratórias, o infarto, a diabetes, as doenças hipertensivas e a insuficiência cardíaca. Todas são relacionadas com os hábitos, com as escolhas inadequadas para uma vida equilibrada e saudável. O excesso de estímulo, os alimentos processados e ultra processados, a poluição, o barulho, a conexão 24 horas na internet e a falta de conexão total com nosso próprio ser, levam a esse quadro desastroso atual. A mudança de hábitos é urgente e deve ser feita de forma gradativa. Sair do “padrão da normalidade” de hábitos e escolhas é a chave para que possamos mudar esse quadro.”

Trololó de Mulher >>> É verdade que não apenas o que comemos, mas também a forma como nos alimentamos, interefere positivamente em nossas vidas?

Sim, sem dúvida. A alimentação é um fator muito importante para a Ayurveda, mas de nada adianta comer alimentos orgânicos e frescos, se não temos uma boa capacidade digestiva. Para Ayurveda, uma digestão eficiente é a chave para a nossa saúde.”

Trololó de Mulher >>> Quais boas práticas podem melhorar nossa sensação de bem-estar no dia a dia?

A mudança de hábitos é essencial para boa saúde, os cuidados com os horários para dormir e para acordar são extremamente importantes, escolhas alimentares corretas, exercício físico adequado, auto massagem diária, prática de exercícios respiratórios, meditação, auto observação, respeito e cuidado com seu próprio ser são fundamentais para nossa vida longa e saudável.”

LAURA PIRES-AYURVEDA-RIO DE JANEIRO-TERAPEUTA AYURVEDICA

Laura tem um blog inspirador, onde ela compartilha toda a sua experiência a serviço da saúde, bem-estar e do bem viver. Lá você toma conhecimento dos cursos oferecidos por ela, seus livros e muita informação pra começar a aprender sobre a Ayurveda. Eu, que estou engatinhando nesse sentido, recomendo explorar ao máximo o que tem por lá. Clique aqui, e se jogue! Outro canal imperdível para acompanhar Laura de perto é sua fanpage no Facebook. Eu já curti… clique aqui, e vem comigo!

ASSINE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *