Início » Maternidade » {mãe, obrigada…}

{mãe, obrigada…}

Já imaginou escolher uma razão, apenas uma, para agradecer a sua mãe? Difícil, não é? A dificuldade se dá por que, convenhamos, há tanto de nossas mães em nós mesmas, que fica até difícil separar o que é só nosso, em nosso jeito de viver a vida, e “o que vem da mãe”. Não é assim?

Um momento, um gesto, uma fala, uma lição, uma bronca… está tudo na memória. Ao nos criar, nossas mães tiveram que dizer muitos “nãos” e colocar muitos limites, então disso surgem momentos que fazem a maternidade ter muitas cores, e não apenas a cor de rosa. Pois é… se você agora é uma mãe, sabe bem como a tarefa de criar um ser humano decente é árdua. Para formar uma pessoa feliz, cidadã e preparada para a vida, o trabalho é diário, persistente e nos pormenores. A construção do vínculo e confiança entre mãe e cria se dá ao longo de anos, dia após dia.

Não há mãe perfeita: a sua não é, você também jamais será uma. O que existe é mãe real, tentando fazer o melhor. Perdoe sua mãe, se há alguma mágoa. Perdoe-se quando achar que não está sendo o máximo que gostaria de ser. Pensemos apenas em todo o amor envolvido que há na maternidade, que também é cheia de medos, falhas e limitações… apenas queremos dar o nosso melhor. Foi assim com nossas mães durante nossa criação, tem sido assim conosco, agora que somos mães.

Quero agradecer:

_FKC5311

Minha mãe e eu, segurando Artur (meu filho) pelas mãos. A foto foi tirada no batizado do meu pequeno, quando ele ainda tinha 1 ano. Hoje ele já é um rapazinho de 3 anos… rsrsrsrs…

“Mainha, agradeço imensamente por ter me criado, educado, dado broncas e por ter sido meu porto seguro em momentos que me senti frágil. A senhora é meu exemplo de vida, fortaleza, amor e dedicação à família. Se eu for para minha família apenas parte do que a senhora foi para a nossa, sei que meu papel será bem cumprido. Muito de mim como mãe de Artur reflete o que a senhora foi para mim e meus irmãos. Muito obrigada por tudo.”

e4704437-8a9c-40f9-a69a-ef37547856f0600

Eu, toda feliz, na primeira apresentação de Artur na escola (este ano, na última Quinta-Feira), saboreando um momento cor de rosa da maternidade, cheio de muito amor. Muitos momentos virão, de todas as cores, e é a junção deles que faz essa tarefa difícil, às vezes ser cansativa, ser também lindamente colorida e gratificante. Tanto para mim, quanto para minha mãe e ainda para você, que compartilha comigo este sentimento, eu desejo um lindo dia das mães!!!

ASSINE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *