Início » Corpo » Saúde » Por que engordamos?

Por que engordamos?

Já é bem comum a gente ouvir histórias de mulheres que tentaram diversas dietas, e nada! Por que engordamos? Difícil entender por que isso acontece? Assim como você, tenho muitas dúvidas a respeito e tratei de tirar todas com uma profissional. Gabriela Pimentel, Nutricionista de Valinhos, SP, esclareceu questionamentos que nos ajudam a compreender o que fazemos no dia a dia, nos pormenores, que contribui para o ganho de medidas. Acredite: os ajustes na rotina não precisam passar por enormes sacrifícios e restrições, mas apenas por implementação de hábitos saudáveis. Estes, sim, é que salvam! Entenda tudo e dê uma guinada, agora:

SAUDE-EMAGRECIMENTO-EMAGRECIMENTO SAUDAVEL-DIETA[2]

Imagem: Ryan McGuire via Gratisography

Trololó de Mulher >> Se somos o que comemos, e estamos acima do peso, o que pode estar errado na nossa dieta?

Eu iria além, diria que somos o que comemos, digerimos, absorvemos e utilizamos, então além de se preocupar com o que comemos, devemos prestar atenção à saúde do nosso trato gastrointestinal e a sintomas como má-digestão, estufamento, gases, intestino preso ou solto, dor, cólica abdominal, entre outros. Estudos muito atuais associam a composição das nossas bactérias intestinais com o excesso de peso e a alimentação tem um papel determinante nesse equilíbrio. Uma alimentação inadequada do ponto de vista da qualidade nutricional e variação alimentar é um ponto crítico no quadro de excesso de peso, ou seja, uma dieta pobre em fibras, gorduras boas, vitaminas, minerais e fitoquímicos (compostos bioativos dos alimentos). Componentes que são encontrados principalmente em uma alimentação natural, não processada, o mais natural possível, como frutas, verduras, legumes, chás, ervas, especiarias, grãos e cereais integrais, oleaginosas, leguminosas, azeite e carnes brancas.”

Trololó de Mulher >> Por que a maioria das dietas vistas por aí não dá certo?

A maioria das dietas da moda não funciona primeiro porque não são individualizadas e cada organismo é único, tem necessidades individuais que só serão contempladas com um plano alimentar adequado. Além disso, essas dietas não promovem mudanças reais nos hábitos alimentares e no comportamento da pessoa em relação à alimentação e estilo de vida. Por isso aderir a certas dietas da moda pode ser perigoso e prejudicar ainda mais o processo de emagrecimento, visto que muitas delas são elaboradas sem critério científico, não levam em consideração a individualidade e saúde das pessoas, são nutricionalmente inadequadas e geralmente fornecem poucas calorias, levando ao emagrecimento rápido, mas que é rapidamente recuperado posteriormente, causando o efeito sanfona. Isso ocorre porque essas dietas são muito restritivas levando à perda de massa muscular e a um mecanismo de sobrevivência do corpo, que estoca mais energia na forma de gordura e no fim das contas o resultado é uma diminuição do metabolismo basal da pessoa. Além disso, a aderência a elas é pequena, visto que com o tempo as pessoas desistem de segui-las.”

Trololó de Mulher >> Existe algum tipo de alimento que, definitivamente é um vilão, e precisa ser cortado de uma vez por todas do cardápio?

Alimentos que combinem altos teores de açúcar refinado, gordura saturada ou trans e sal refinado, como sorvete, sanduíches de fast food, refrigerantes, fritura, etc. Isso porque esses três elementos ativam centros cerebrais da memória de prazer (sistema de recompensa) levando ao aumento da vontade de comer e até mesmo à compulsão e vícios alimentares. Ou seja, quanto mais esses alimentos são consumidos maior será a vontade de comê-los.”

Trololó de Mulher >> Refrigerantes, sanduíches, chocolates, doces, salgadinhos industrializados, macarrão instantâneo, biscoitos recheados, maionese, frituras… isso precisa ser banido de uma vez por todas? Há como permití-los de alguma forma?

Nosso organismo não precisa desse tipo de alimento e na realidade considero essa lista como produtos alimentícios e não alimentos “de verdade”, ou seja, muito processados e pobres em qualidade nutricional. Tendo em vista o padrão atual de saúde da população, com o rápido crescimento dos índices de obesidade e doenças crônicas (diabetes, obesidade, pressão alta, câncer), a melhor opção seria banir esse padrão alimentar, que tem relação direta com essas doenças. Esse é um caminho que algumas instituições têm optado, como por exemplo, a proibição do uso de gordura trans pelos restaurantes nos Estados Unidos e a proibição da venda de produtos com baixa qualidade nutricional ou ricos em gordura e sódio em cantinas escolares de alguns estados no Brasil. Permitir ou não vai depender de cada caso, das patologias apresentadas e da relação que o indivíduo tem com a comida. De forma geral, o consumo deveria ser restrito a uma vez por semana. A melhor forma de permitir seria fazer uma releitura com versões mais saudáveis, para todas as opções citadas na pergunta há receitas e até opções saudáveis de marcas vendidas em supermercados e lojas de produtos naturais.”

Trololó de Mulher >> Comer e levar uma vida sedentária, necessariamente, leva a pessoa a engordar?

Se a alimentação for equilibrada, não necessariamente. Porém, vai depender novamente de cada organismo. Se a pessoa é sedentária e come em excesso, principalmente alimentos de baixa qualidade nutricional, é muito provável que engorde. Sem dúvida se alimentar bem e fazer exercícios é essencial para uma vida saudável e aumenta as chances de sucesso no emagrecimento ou na manutenção do peso, mas já tive pacientes que em algumas fases do acompanhamento nutricional não conseguiram realizar exercícios, por recomendação médica ou pela rotina de trabalho, e mesmo assim conseguiram resultados na redução do peso. Como nessa fase o gasto energético é menor, é necessário realizar alguns ajustes alimentares.”

Trololó de Mulher >> Quais alimentos devem estar diariamente na dieta de quem não quer engordar?

Alimentos fonte de carboidratos de baixo índice glicêmico (cereais integrais, raízes e tubérculos), gorduras boas (azeite, abacate, oleaginosas, coco, chia, linhaça, peixes) e proteínas de boa qualidade (ovo, peixe, frango, leguminosas, quinoa, iogurte), além de ricos em fibras (aveia, biomassa banana verde, integrais), vitaminas, minerais e fitoquímicos (frutas, verduras, legumes, chás, ervas e especiarias, como canela, gengibre, açafrão da terra, etc). Esses alimentos devem estar na alimentação de quem não quer engordar e também de quem quer esbanjar saúde! Quem quiser ter mais informações pode baixar o Guia alimentar para a população brasileira no site do Ministério da Saúde ou consultar um nutricionista para auxiliar na elaboração de um plano alimentar individualizado ao seu caso!”

Trololó de Mulher >> Ingerir mais ou menos água, diariamente, influencia de alguma forma sobre o ganho de peso de uma pessoa?

“A falta de ingestão de água pode influenciar o ganho de peso sim por algumas questões. Muitas vezes na falta de hidratação o organismo sinaliza fome, pois o alimento é uma forma indireta do corpo reter água. Então quem não ingere água adequadamente pode sentir mais fome. Além disso, vale lembrar que o nosso corpo é constituído por 60% de água e é por meio dela que são realizadas as trocas celulares e algumas etapas das reações do nosso metabolismo, como a quebra da gordura, por exemplo. Tem estudos interessantes mostrando que a ingestão de água aumenta a perda de peso durante dietas, inclusive quando bebidas diet são substituídas por água.”

GABRIELA-PIMENTEL-NUTRICIONISTA-VALINHOS-SP

Gabriela tem presença online e você pode acompanhá-la ainda mais de perto. Em seu site você encontra todas as informações necessárias sobre os serviços prestados por ela, que são: acompanhamento nutricional personalizado, avaliação nutricional completa e orientação nutricional individualizada. Gabriela dá mais detalhes em seu site, e também disponibiliza receitas saudáveis e nutritivas divididas por categorias: acompanhamento, carnes | aves e peixes, entradas e saladas, sobremesas, sucos e bebidas, festas de fim de ano. Imperdível! Lá você encontra todos os contatos da profissional. Acesse o site aqui e se joga! Ah! Na sua fanpage do Facebook a Gabriela compartilha conteúdo de extrema relevância para que tenhamos saúde, assim a gente cultiva uma beleza que vem de dentro. Acesse aqui e curta!

ASSINE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *