Início » Corpo » Beleza » Como perder a barriga? 3 profissionais contam tudo!

Como perder a barriga? 3 profissionais contam tudo!

De repente você se olha no espelho e ela está lá, saltando da cintura e te deixando desconfortável com o próprio corpo. Logo vem a pergunta: gente, como perder a barriga? A verdade é que não adianta se iludir, essa gordura sobressalente não vai sumir de uma hora pra outra, porque também não foi assim que ela apareceu, como num passe de mágica. É preciso aceitar que uma boa alimentação básica, aquela do dia a dia, bem como a prática de algum exercício, é que garantem saúde e um corpo com o qual a gente se sinta bem melhor. Quem negligencia isso, sofre as consequências. Se você está incomodada com isso tudo, e quer mudar, este post é para você.

Para aprender tim tim por tim tim sobre o que fazer para eliminar essa cintura avantajada, eu convidei um time de profissionais para te oferecer informações, orientações e esclarecimentos sobre isso tudo. Ao final desse post espero que você esteja bem informada sobre o assunto, sentindo-se segura e motivada para reverter a situação. Vamos juntas nessa? Então tá… bora!

COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL[3]

Eu diria que o primeiro passo para perder a barriga é deixar de dar ouvidos para promessas milagrosas. Sabe quando você escuta aqui e acolá que dá para se livrar dessa gordura abdominal em poucos dias? O resultado, muitas vezes, é a frustração. É compreensível que quando a gente seja confrontada com um problema o desejo seja de eliminá-lo o quanto antes, mas nesse caso, é preciso aceitar e encarar um processo de médio e longo prazo. Ser realista, acredito, oferece todas as chances de sucesso. Se formos falar de prazos, isso também pode variar bastante. “O metabolismo de cada pessoa e a genética influenciam nesse processo. Tem gente que consegue secar em poucos dias, 4 semanas mais especificamente, e tem gente que precisa de pelo menos 12 semanas (3 meses) para conseguir ver resultados”, explica a Educadora Física Denny Tavares, da Central Fitness, São Paulo – capital. Ainda de acordo com Denny, “uma dieta equilibrada é, na verdade, a responsável pela perda de gordura. Abdominais, na verdade, são responsáveis pelo enriquecimento da musculatura abdominal, e não pela perda de gordura. Para se obter uma barriga “sequinha” recomenda se: uma dieta equilibrada, a prática de exercícios aeróbicos para a queima de gordura (calorias), e abdominais para enrijecer o abdômen”, conclui.

COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL[4]

Neste caso, fica bem claro para gente: precisamos mudar os hábitos alimentares para estancar esse acúmulo de gordura na barriga, certo? E para conquistar a barriga sequinha, de uma vez por todas, entram em ação os exercícios e, neste caso, os aeróbicos e abdominais são os nossos aliados nesse processo. Vamos por partes? Quais práticas de exercícios precisamos inserir na nossa rotina? É possível fazer isso em casa mesmo ou somente em academia? Denny esclarece isso tudo pra gente:

Um ótimo exercício que pode ser feito em casa e que exige pouco investimento financeiro é pular corda, pelo menos 15 minutos por dia. Os abdominais podem ser feitos na sequência.

SAUDE-ATIVIDADE FISICA-COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL

Imagem: Marie Claire

Abdominal supra isométrico {1}: segurar nessa posição por pelo menos 20 segundos. Abdominal pedalada {2}: fazer 20 repetições alternadas. Após pular corda por pelo menos 15 minutos, deve-se fazer pelo menos 3 séries de cada um desses abdominais. O resultado com certeza virá”, garante a educadora física. O fato é que já sabemos, os exercícios precisam mesmo ser combinados com uma alimentação adequada, e é preciso entender, de uma vez por todas, o que isso representa na prática.

Veja mais consultorias com Educadora Denny Tavares:

Como relaxar suas tensões? 4 profissionais dão dicas.

COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL[5]

Para perder gordura abdominal há que se adotar algumas estratégias, e todas elas são extremamente importantes para alcançar esse objetivo. A Nutricionista Pamela Miguel, de São Paulo – capital, profissional que compõe a equipe da Clínica de Nutrição Funcional da Dra. Fernanda Granja orienta:

1 – Controle do nível de açúcar no sangue: a dieta de quem deseja perder gordura abdominal deve ser rica em fibras, que reduzem a absorção de gordura e açúcar da alimentação. As fibras fazem com que o açúcar entre de forma gradual no organismo, evitando picos de açúcar e picos do hormônio insulina. Picos de insulina estimulam o acúmulo de gordura no organismo. Por esse motivo as frutas e sucos devem ser consumidos sempre com alguma fibra (farelo de aveia, semente de chia, farinha de linhaça, etc.); pães, massas, arroz e biscoitos devem ser sempre integrais.

A propósito, veja:

Risoto com arroz comum, mas integral, e com aspargos.

2 – Controle no nível de cortisol: o cortisol é um hormônio liberado sempre nos momentos de estresse. Altos níveis de cortisol estão relacionados com maior acúmulo de gordura na região abdominal. Alguns alimentos auxiliam no controle desse hormônio, evitando assim o acúmulo de gordura. São eles: abacate, azeite de oliva extravirgem, óleo de coco. Cacau, banana, aveia e espinafre são alimentos que auxiliam na melhora do bem estar, evitando o estresse e a produção do cortisol.

Veja também:

Bolo de banana sem glúten e light… e cheiroso!

3 – Inclua alimentos com ação antiinflamatória: o acúmulo de gordura promove a produção de substâncias inflamatórias no organismo, o que dificulta a perda de peso. Para que haja a perda de gordura o corpo precisa desinflamar. Dentre os alimentos com ação antiinflamatória podemos destacar: semente de chia, sardinha, óleo de coco, óleo de linhaça, açafrão, gengibre.

4 – Coma alimentos com ação termogênica: eles ajudam no processo de queima de gordura. Lembrando que eles não devem ser consumidos por pessoas com pressão alta e problemas cardíacos, além de crianças, idosos e gestantes. Dentre eles podemos destacar: pimenta vermelha, chá verde, canela, gengibre, vinagre de maçã.

5 – Evite alguns alimentos para uma perda mais eficaz de gordura na região abdominal. São eles: farinha branca, pão branco, arroz branco, leite e derivados, excesso de trigo (mesmo o integral), bebida alcoólica, refrigerante, açúcar refinado, embutidos, sal refinado, excesso de alimentos industrializados e frituras.

Trololó de Mulher> Muito se fala nos sucos funcionais… para perder a barriga, existe algum que acerte nesse alvo?

“Os sucos funcionais podem auxiliar no processo de perda de gordura corporal, desde que tenham ingredientes adequados e nas quantidades corretas. Os sucos devem ter:
– 1 porção de fruta: fornecem vitaminas e minerais, importantes para o correto funcionamento do metabolismo e da queima de gordura;
– 1 porção de vegetal: couve, agrião, espinafre;
– 1 porção de fibra: farelo de aveia, semente de chia, farinha de linhaça, flocos de quinoa, etc.;
– 1 porção de alimento com ação termogênica ou antiinflamatória (opcional): gengibre, canela, açafrão.

Sucos com excesso de frutas e baixo teor de fibras podem elevar os níveis de glicose e insulina no organismo e favorecer o acúmulo de gordura.”

Veja também:

Saúde e beleza no copo: sucos funcionais.

TMulher> Como saber quantos quilos, exatamente, precisamos emagrecer?

“A perda de peso mais saudável é a perda de peso em gordura, muitas vezes algumas dietas prometem perda de 5 kilos em uma semana e isso pode realmente acontecer, mas na maioria das vezes a perda de peso acontece na forma de água e massa muscular. O ideal é que seja avaliado o real valor de gordura do corpo, para que esse resultado seja comparado a valores de referências. Dessa forma conseguimos saber se o indivíduo tem um percentual de gordura dentro do que é esperado para sua idade e sexo.”

Veja mais consultorias da Dra. Pamela Miguel:

Dieta vegetariana: saudável, rica e variada. Mito ou verdade?

Carne de porco faz mal á saúde: mito ou verdade?

Alimentação e nutrição: 7 dúvidas respondidas.

SAUDE-ATIVIDADE FISICA-COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL[2]

Imagem: Ben (Falcifer) / Foter / CC BY-NC

COMO PERDER BARRIGA-EXERCICIO FISICO-ABDOMINAL[6]

Quem disse que seria fácil? Você chegou até aqui, está determinada a ir adiante e certamente vai conseguir. Isso não quer dizer, contudo, que não possa haver dificuldades. É importante manter em mente que esse, de fato, não é um caminho dos mais fáceis de serem trilhados, porque exige a saída da zona de conforto, o que por si só mostra toda a dificuldade que isso possa causar. O que fazer? É sempre bom buscar ajuda profissional. Se possível, não deixe de ter um suporte qualificado para a prática de exercícios, e consulte um profissional de nutrição, que será fundamental nesse trabalho de perda da barriga. Além desses suportes, você pode, sim, precisar de um psicólogo, como a Dra. Luciana Kotaka, Especialista em Obesidade e Transtornos Alimentares, de Curitiba. Foi com ela que tirei as seguintes dúvidas:

Trololó de Mulher> Durante o processo de mudança de estilo de vida para perder peso e, sobretudo, a barriga, é uma boa ideia ter uma balança em casa para avaliar o peso diariamente?

“Não acho que pesar-se diariamente seja uma boa ideia, porque o peso pode oscilar muitas vezes em função de uma série de situações que podem levar a pessoa a desmotivação. A melhor forma de perder peso é fazer a reeducação emocional, alimentar e atividade física, sem ficar obcecado pelos ponteiros da balança, assim o peso vai diminuindo e pode-se sentir nas roupas, que aos poucos vão ficando largas. Pesar-se todos os dias pode deixar as pessoas ansiosas, isso é um gatilho emocional muito forte que pode levar ao descontrole e fazer com que quem está querendo perder peso coma em excesso, isso para compensar a falta de resultados na balança. Infelizmente muitas pessoas qurem perder peso rápido, têm a ideia que devem fazer tudo ou nada, isto é, querem perder muito peso em uma semana, apresentam muita dificuldade em aceitar que a perda de peso gradual é a mais indicada.”

TMulher> O que é importante para manter-se motivado durante esse processo de emagrecimento e perda de barriga?

“Entender e aceitar que perder peso é um processo que se conquista com mudanças que vão se estabelecendo no dia a dia, focando um dia de cada vez. A partir do momento que se come com qualidade está ciente de que emagrecerá, pois é um processo de construção diária. Pode-se também traçar pequenas metas, que sejam realistas para não se frustrar, assim vai perdendo peso e somando semana a semana, vendo resultados concretos, mantendo a motivação. Outra questão importante é prestar atenção ao próprio corpo, a sensação de bem estar que se apresenta nas mudanças que irá realizando. Mais disposição, abdômem sem inchaços, sem refluxos que são frequentes em quem come muito e errado, sono de qualidade, etc.”

TM> Para emagrecer e perder a barriga, em geral a pessoa precisará da orientação de um Nutricionista e um Educador Físico. Quando é que a ajuda de um Psicólogo será necessária?

Sempre que o paciente apresente compulsão, comportamentos de bulimia, anorexia e ortorexia, ou mesmo quando se identifica que a pessoa come em função de situações que a desorganizam, como tristeza, raiva, cansaço, estress, solidão ou outros históricos em que a comida é a fonte de prazer única. Porém, se com todos os profissionais ajudando não se consegue resultados, é importante que se encaminhe para o psicólogo especilista em obesidade, pois nem sempre as causas que os mantêm no peso têm a ver com emoções claras, e sim porque a gordura vem cumprir uma função que deve ser identificada no processo psicoterapêutico, e muitas vezes demanda um certo tempo de trabalho, pois podm ser questões inconscientes ou mesmo vivências que tiveram em alguma fase de sua vida.”

Mais consultorias da Dra. Luciana Kotaka:

Bonita, saudável e feliz… sem dietas!

Registre e emagreça.

Emagreça de forma inteligente

ASSINE!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *