Início » Comportamento » O amor está online: com wi-fi & muito carinho.

O amor está online: com wi-fi & muito carinho.

Sabe aquelas pessoas que, juntas, têm uma identidade como casal? Sabe quando isso é percebido por quem os conhece e, de tão verdadeiro que o amor delas parece pra gente, é impossível não torcer sempre a favor dessas relações. E mais… sabe quando a gente acompanha esse amor pela internet e sente uma energia boa que emana desses casais? Pois é… é nesse momento que a gente sente que o amor está online e, pra nossa alegria, ele invadiu o Trololó de Mulher neste dia dos namorados.

Nos casais que você verá a seguir há muita experiência em compartilhar o dia a dia juntinhos e online, fomentar o amor, manter a atração e o respeito acima de tudo, e adoçar a rotina. Sabe a receita de felicidade conjugal desses três casais? Eles contam logo a seguir, confidenciando, por exemplo, qual o papel (saudável) da internet numa relação, ou ainda, como manter a chama acesa trabalhando lado a lado, dia após dia. Confere!

COMPORTAMENTO-CASAMENTO-RELACIONAMENTO-DIA DOS NAMORADOS[2]

Margaret, 55 anos & Bi, 55 anos. Ela, proprietária da empresa Divitae. Ele, sócio da sua amada. Juntos desde 2001, formam um dos casais mais divertidos que talvez você ainda não tenha conhecido. Só acompanhando pra entender do que estou falando…

Trololó de Mulher: Qual o papel da internet na relação?

“Um papel muito saudável e cheio de confiança. Enquanto para alguns casais a internet é motivo de desavença, para nós é motivo de união, afinal nos conhecemos através dela. Eu sou a que fica mais tempo, mas ele participa de tudo. Torce, palpita, conserta meus erros de português. E além de tudo, dividimos o conhecimento e as coisas engraçadas.”

TMulher: Como evitar que a conexão do casal caia?

“Tendo companheirismo e confiança.”

TM: Quando foi que vocês tiveram certeza de que esse amor tinha tudo pra dar certo?

No primeiro dia. E eu nem queria acreditar que eu tinha encontrado o homem da minha vida. Achei que era muito bom pra ser verdade. A parte boa é que foi verdade.”

COMPORTAMENTO-CASAMENTO-RELACIONAMENTO-DIA DOS NAMORADOS

Foto de Beta Bernardo

Evinha, 32 anos & Eder, 52 anos. Ela, proprietária da empresa La Pomme. Ele, sócio da Eva. Juntos há 15 anos, os dois formam um casal cheio de sensibilidade e, juntos, imprimem delicadezas de um jeito só deles. É bom acompanhá-los!

Trololó de Mulher: Como vocês se conheceram?

“Nos conhecemos através da internet (Eder era amigo virtual da minha mãe… (hihihi)”

TMulher: Como manter a chama acesa, trabalhando lado a lado, dia após dia?

Eu não tenho outro parâmetro de relacionamento, apesar do casamento dos meus pais não ter dado certo, cresci vendo os dois sempre trabalhando juntos… pra mim, esse é o padrão. Casei com alguém que também enxerga a vida assim, que um casal tá lado a lado em todos os aspectos pro que der e vier. Às vezes é bem complicado estar 24 horas por dia juntos, separar chateações de trabalho com chateações pessoais, ou não ter aquela ansiedade de esperar por um encontro, ou quando falta assunto pra conversar porque a gente olha no olho do outro e sabe o que o outro tá sentindo.”

TM: Quando o dia a dia desfoca, como colorir a relação?

“Não tem um artifício específico que usamos pra manter a relação acesa e colorida. Nossa relação tem uma cumplicidade muito grande que vai muito além da relação marido e mulher, e a gente vai se ajustando quando vemos que algo não tá indo bem… Ver um filme juntos, em casa, com uma bacia de pipoca, ir numa praia calma e tranquila… Essas pequenas coisas que valorizamos, esse olhar que tá sempre na mesma direção é o que nos ajuda a seguir lado a lado.”

COMPORTAMENTO-CASAMENTO-RELACIONAMENTO-DIA DOS NAMORADOS[3]

Jê, jura que tem 34 anos & Sérgio, de acordo com a certeza (quase incerta) de Jê, 40 anos. Ela, costureira e designer na Dreams Factory. Ele, gerente de projeto na área de programação. Juntos desde 1999, quando se conheceram pela internet, casaram em 2002 e, desde então, formam um casal nordestino (ela de RN e ele de PE) superultramega bem humorado. Quem acompanha os diálogos do marido e da marida, comandados pela Jê lá no Facebook, não se aguenta em si de tanto que ri. Confere!

 

Trololó de Mulher: Como foram os alinhavos dessa conquista?

“Tudo foi muito rápido : nos conhecemos na internet e ficamos amigos, logo ele veio me conhecer na minha cidade, e em um passeio o pneu do meu carro furou. Sérgio trocou o pneu do carro, às 2 hrs da madrugada, e eu me apaixonei por aquela cena. No dia seguinte ele me ligou dizendo que tinha vindo a Mossoró para me conhecer e ficar comigo.”

TMulher: Quando foi que perceberam que era amor pra toda a vida?

“Quando terminamos o namoro após 3 meses percebemos que não íamos conseguir ficar um sem o outro. Peguei o ônibus e fui ao encontro dele em Recife e na rodoviária ele estava me esperando com uma rosa na mão. Batata! Dali em diante sabíamos que seria para sempre.”

TM: Quando a relação desanda, como colocar os pingos nos is?

“Com uns gritos, uns desabafos de TUDO, logo um bom vinho e em seguida uma boa noite de amor, daquelas que raramente acontecem no casamento, quando se dorme abraçados a noite inteira.”

Veja também:

Casamento: os conselhos mais inteligentes. Já leu?

Casamento duradouro: isto tem algum segredo?

Há vida após o casamento?

ASSINE!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *