Início » Comportamento » Sua casa também possui auto-estima.

Sua casa também possui auto-estima.

Não é preciso muito para deixar sua casa com uma super auto-estima. Em tempos de “arrumar” a vida, embora essa arrumação aconteça de dentro para fora, o ambiente em que vivemos, precisa estar alinhado da melhor maneira possível com esta intenção.

Mesmo que você não goste do local em que mora, a sua casa não tem culpa das suas insatisfações. Portanto, enquanto ela for sua, enquanto for habitada por você e por sua família, ela precisa estar satisfeita com o que você pode fazer por ela.

Todo mundo sabe que a nossa casa é uma extensão de quem somos, do nosso humor, da nossa fase atual. É muito fácil identificar quando uma pessoa não está bem, apenas observando como está a sua casa. Mesmo que você não seja a organização em pessoa, vale a pena se esforçar para quando retirar algo do lugar colocar de volta assim que possível.

Tem gente que limpa a casa e não olha para o teto, não olha para cima e coleciona teias de aranhas, muitas vezes habitadas. O que significa isso? Preguiça mesmo ou alguma dificuldade em olhar a vida por outros ângulos?

Tem gente que tem o costume de guardar tudo. Na maioria das vezes, coisas irrelevantes que nem sabem que possuem. Roupas que não lembram ter, papéis que não servem para mais nada, revistas que não fazem mais sentido, até mesmo encartes de supermercado.

Se deseja renovar a si mesmo e a vida, precisa renovar itens do ambiente em que vive, mesmo que seja trocar de lugar os objetos ou dar uma nova utilidade à eles. Após um bom “banho” sua casa respirará aliviada. Seus animais de estimação ficarão mais felizes, suas plantas se desenvolverão melhor. Você conseguirá se “achar”.

Aprenda a “ouvir” a sua casa. Ela lhe dirá quando será preciso varrê-la mesmo que, aparentemente, não haja sujeiras no chão. Ela avisará quando a louça suja precisa ser controlada para não acumular e lhe dar um trabalho redobrado. Ela lhe indicará quando estiver com vontade de sentir novos aromas, mesmo que seja de um café fresquinho, um chá de camomila ou de um incenso de sândalo.

A varanda gritará quando as plantas estiverem com sede e lembrará quando será preciso trocar a água dos pássaros-visitantes que, de vez ou outra, se saciam no vasinho de flores artificiais. O banheiro chamará no momento em que for preciso trocar as toalhas e retirar o lixo. A lavanderia avisará quando as roupas estiverem secas no varal. A cozinha lembrará que há comidas com prazo de validade quase vencendo e, assim, as panelas o farão cozinhar a quantidade ideal para que não haja desperdícios. Isso porque tudo estará controlado, harmonioso. No caos, tudo é gritaria e confusão. Você olha para os lados e não sabe por onde começar e aí vem o desânimo total da vida quando você se sente controlado e não no controle.

Controle-se. Comece a partir das coisas simples, de si mesmo, mas sem cobranças. Quando tudo começa a ficar em ordem, a paz ressurge.

Imagem: stock-xchng

Por Mila Viegas
Mila’s Ville – Open House!

 

Faça como a Mila e seja uma bicha fêmea colaboradora!

 

Mais no Bicha Fêmea

Tarefas do lar.

Há vida após o casamento?

Bichas fêmeas em debate: filho de ecomãe, ecofilho é?

Quando a gente resolve se casar…

Bichas fêmeas em debate: enteado a vista no casamento. E agora?

Navegue no Bicha Fêmea: Início > Bem Viver > Comportamento > Sua casa também possui auto-estima.

Quer as novidades do Bicha Fêmea? Receba gratuitamente em seu e-mail!

Siga o Bicha Fêmea no Twitter – @bichafemea.

Conheça o Mercado de Artes, loja virtual do blog Bicha Fêmea. É por aqui >>>>> basta clicar!

40 comentários sobre “Sua casa também possui auto-estima.”

  1. Fabiana Correia comentou:

    Mila, adorei seu texto, ultimamente tenho lido/ouvido muita coisa sbre o assunto arrumação de casa, e confesso que tenho olhado com outros olhos alguns cantinhos esquecidos de minha casa, como o lugarzinho dos artesantos, há tempos inabitado por falta de tempo, mas que precisa de uma boa faxina para jogar fora o que não preciso mais e outros lugarzinhos mais. Bjs

    1. Mila Viegas comentou:

      Oi Fabiana,
      Que bom! Às vezes é importante renovar, avaliar o que realmente nos serve… Isso deveria ser um exercício diário, porém com toda a correria do dia-a-dia nem sempre conseguimos o ânimo necessário para “escutar” o que nossa casa tem a dizer.

      beijocas

  2. Ana Carla comentou:

    Adorei esse post … vou linkar lá no “Ana Benet Artes”.

    Bjo

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Que bom, Ana!
      Fico muito grata pelo link. 😉
      Beijos

    2. Mila Viegas comentou:

      Que legal, Ana!

      beijos

  3. Rita de Cassia comentou:

    Taí uma verdade! É preciso prestar mais atenção ao que estão nos dizendo.
    bj

    1. Mila Viegas comentou:

      Pois é, Rita!
      Às vezes a gente não está com muita paciência para ouvir, mas vale a pena quando a mensagem é proveitosa.

      beijoss

  4. Cláudia Ramalho comentou:

    Excelente psot. Ando numa fase de arrumar casa. Talvez pelo final do ano chegando. Estamos pintando a parte externa e andei olhando para minha casa com nvoos olhos. Pintou uma vontade de mudar algumas coisas. Até andei fuçando seu blog por dicas de decoração.
    Estarei mais presente…
    BJks

    1. Mila Viegas comentou:

      E eu estou numa fase obrigatória de colocar tudo em ordem porque ninguém merece!! O meu maior problema apesar de ter escrito o post, é quando o dia está frio… não tem pique!! Como hoje São Pedro resolveu fazer o sol dar uns sorrisinhos, eu estou aqui toda prosa querendo me empolgar para a operação casa limpa, cheirosa e arrumada 😉

      beijocas

  5. Joana Campos comentou:

    Oi Lidiane, que texto bom! Olha depois que li o texto, até fiquei orgulhosa de mim, acho que sou UMA boa dona de casa viu?

    Bjs

    Joana Campos

    1. Mila Viegas comentou:

      É para ter orgulho mesmo, Joana! Ai que invejinha… rs

      beijos

  6. Elaine Cunha comentou:

    Lidi, adorei o post.
    A clareza que Mila escreve deixa tudo mais leve.

    Já dizem os psicológos que se vc não esta bem consigo, tua casa vai mostrar. Afinal, bagunçado tudo estará!

    Por isso, mentalizo as tarefas de casa em ações/atitudes que preciso focar.

    beijos

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Pois é, Laine! Também acredito que a forma como uma casa reflete na gente também. Eu, por exemplo, se estiver com a casa bagunçada não fico bem. Fico aperreada se vejo as coisas sujas ou fora do lugar. Lógico, casa impecável não existe. Pelo menos a minha não é, mas ela precisa estar minimamente organizada ou limpa, com as coisas no seu devido lugar. Só assim é que me sinto bem, do contrário meu sossego vai para o beleléu… 😀

    2. Mila Viegas comentou:

      Elaine,
      você é uma fofa! Agradecida pelo elogio do texto. A questão é sair da teoria e mandar ver na prática! rs

      beijocas

  7. Telma Maciel comentou:

    Post perfeito! Eu ando numa confusão e descontrole total… não consigo me sentir bem com o meu quarto e tbm não consigo organizá-lo. Me desespera às vezes querer fazer alguma coisa e não saber por onde começar…
    Mas é um incentivo! Preciso começar! rs
    Um beijo

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      É o quarto por completo que está caótico, Telma? Ou são cantinhos como o guarda-roupas, por exemplo?

      Uso uma técnica que aprendi para arrumar gavetas que pode ser um bom começo para você. Você pode usar nas gavetas, no guarda-roupas, e por aí vai:

      1 – Esvaziar;
      2 – Eliminar o que não serve (leia-se doar e jogar no lixo (reciclável);
      3 – Categorizar (a fim de colocar cada coisa no seu devido lugar);
      4 – Usar caixas ou recipientes organizadores a fim de agrupar o que deve estar junto.

      Fica a dica. 😉

      1. Mila Viegas comentou:

        Preciso urgente.. kkkk… To rindo pra não chorar! 😉 Brincadeira! Minha casa está aqui aos berros, e hoje começa o mutirão da limpeza (eu, eu mesma e Mila)… kkk.

        Coloca um som aí DJ!!!

  8. Simone Scharamm comentou:

    Oi, Lidi,
    Às vezes, na correria dos dias, sinto meu ânimo cair…minha casa fica bagunçada e os pensamentos idem. Aí, venho aqui, leio um texto incrível como esse da Mila e me sinto contagiada pela vontade de melhorar!
    Beijos e obrigada!

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      A Mila precisa ler isso. Tenho certeza que para ela será recompensador. 😉

      1. Mila Viegas comentou:

        Afff… kkkkk!!!

        Que bom, Simone! E é verdade, Lidi!
        Ainda mais hoje que estou com uma pachorra de fazer gosto… kkkk…

        É sempre muito bom poder colaborar e perceber que a nossa colaboração está sendo proveitosa. Fico muito feliz 🙂

        beijocas

        1. Lidiane Vasconcelos comentou:

          Eu sabia que você iria gostar. 🙂
          Todo blogueiro ama saber que faz alguma diferença, mínima que seja, na vida das pessoas. A gente ganha o dia, né? 😉

  9. Marilia Alves comentou:

    Muito interessante esse artigo, por meses desde que pegou fogo que ficamos desapontados em arrumar a casa melhor, tipo dar um Up nela, mas esse artigo me deu mais ânimo pra isso. Obrigado Lidi vc sempre com idéias boas.

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Bom, na verdade o mérito é todo da Mila. O texto é dela. 😀

    2. Mila Viegas comentou:

      Que bom que você ficou animada, Marília!! Força na peruca e vassouras pra que te quero! rs

      beijos

  10. Beta comentou:

    Concordo plenamente com vc querida!!!
    Nossa casa tem alma.

    bj

    1. Mila Viegas comentou:

      Corpo, alma e coração, Beta!!!

      Um grande beijo.

  11. Rafaela Videira comentou:

    Lidiane e Mila
    Eu costumava achar que toda mudança real tinha que ser de dentro pra fora. Há algum tempo mudei de opinião e sim, vocês têm toda razão: talvez por isso eu ande sonolenta e depressiva. É hora de quebrar o círculo vicioso! Seja dentro ou fora.
    Beijos e obrigada.

    1. Mila Viegas comentou:

      Mudança geral, Rafa!!! Apoiada!! U-huwww! rs.

      Ah! Mas eu também tenho andado bem sonolenta… Acho que já é o ritmo frenético da proximidade do final do ano. 🙂

      beijos

    2. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Ah, Rafa! Essa descoberta de que o estado da casa interferia no meu estado de espírito também surgiu para mim até bem pouco tempo… e, sim! Faz muita diferença!

  12. Carina comentou:

    Oi Lidi, tudo bem?! Esse post veio a calhar… nos últimos dias consegui arrumar umas coisas aqui em casa, que há tempos me programava e nunca dava…. Me sinto até mais leve!
    Bjs

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Oi, Carina!
      Está tudo ótimo!
      Pois é, menina! Acho que acontece assim com a maioria das pessoas também. Quem experimentar, tem mesmo chance de sentir que organizar as coisas em casa acaba funcionando com uma terapia. Só um profissional mesmo para explicar o que acontece, não é? Mas que fazer isso faz um bem danado, ah, isso faz. 😉

  13. Elaine Battistel comentou:

    É tudo verdade! A casa reflete muito de nós, tanto que muitas vezes quando preciso organizar os pensamentos, me rendo sem dó à uma bela faxina dentro dos armários ou de algum cômodo que esteja gritando por socorro. A casa fica arrumada e a alma também.

    Bjs,

    Elaine

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Pois é. E não é verdade?! 🙂

  14. Cristiane comentou:

    O Lidi e meninas,

    Realmente, um post bem inspirador. Estou precisando dar uma geral por aqui também. Mas sou muito devagar e indecisa; mas aos poucos eu acho que consigo. Primeiro foram as roupas. Não lembro quem me disse isso, mas aquelas roupas que você não usa há mais de 1 ano, devem ser doadas. Olha, faz uma diferença!

    Bjs

  15. Cris comentou:

    Estou literalmente chorando, a bagunça da vida refletiu tanto na casa, (stress, sem grana, sem perspectivas de dinheiro extra), que simplesmente parece impossível arrumá-la, está tudo fora de lugar, andei esta semana por alguns sites de organização e encontrei dicas ótimas, mas nenhum ânimo apareceu, então ontem tomei uma decisão radical e agora procurei uma dica final e achei este texto que é muito apropriado pois quero começar a arrumar hoje e sei que a arrumação vai durar 3 dias no mínimo, antes de sair vou dar uma última lida, dispenso o incenso. Cada um personaliza conforme seu estilo e convicções. A minha decisão radical é a que deixo de dica para quem tem uma bagunça para enfrentar e assim como eu está sem ânimo nenhum para começar: comece arranjando uma causa nobre= marquei ontem (estava pensando em fazer só quando a situação melhorasse) e hoje vou distribuir todos os convites para a festa infantil da minha filha aqui em casa em 5 dias. Não sei se é para rir ou para chorar, tudo tem que estar limpo e no lugar antes da véspera, pois vou fazer o bolo artístico e doces. Vou ler o texto, depois chorar mais um pouco, vou dobrar meus joelhos e orar, vou sair para distribuir os convites, e quando voltar com ou sem ânimo vou ter que começar a arrumar!

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Pôxa, Cris! Que comentário verdadeiro!
      Este post que foi escrito pela Mila, mas publicado no Bicha Fêmea, tocou tanto teu coração, hein?
      O mérito é todo da Mila, e que bom que tudo isso contribuiu positivamente em sua vida.
      Força na peruca, mulher!! E muito boa sorte com tudo que está por vir. 🙂
      Beijos

  16. Genilda Paes comentou:

    Nossa que legal!!!
    Pensei que fosse só eu que tivesse dificuldade para manter em ordem meu cantinho, mas depois de ler todos esses depoimentos sou obrigada a repensar meus conceitos! Valeu pessoal!

  17. Marcelle Rebelo comentou:

    Mila, eu troquei o trabalho em escritório por um em que trabalho de casa e tenho tido mais contato com a casa. Dá vontade de comprar tudo novo, renovar sempre, mas não tem grana para isso, então faço sempre pequenas mudanças com o que tenho. Meu desafio é arrumar meu home office, um quartinho de empregada que vive atulhado de coisa e a lavanderia. Mas, vou usar a máxima, vai ficar aqui só o que couber…fiz no restante da casa…então vou fazer lá também. É verdade, a casa fala conosco…

  18. Lìvia Carolina comentou:

    Oi Mila!
    Eu simplesmente amei este texto! Veio num ótimo momento!
    Fez-me pensar e analisar algumas coisas!!!

    Gostaria da sua autorização para postá-lo (com os devidos créditos, é lógico… rs) no meu blog!!!

    Um bjo

    Lívia

    1. Lidiane Vasconcelos comentou:

      Oi, Lívia!
      Seja muito bem vinda ao Bicha Fêmea! 🙂

      Vou encaminhar seu pedido para a Mila, assim ela pode te contactar sobre a autorização de uso do texto dela, sim?

      Se quiser acompanhar cada novidade que aparece no Bicha Fêmea, você pode assinar e receber gratuitamente em seu e-mail clicando aqui: http://feedburner.google.com/fb/a/mailverify?uri=blogbichafemea&loc=pt_BR

      Beijos,
      Lidi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *