Início » Social » Movimento na blogosfera em alerta contra a erotização infantil.

Movimento na blogosfera em alerta contra a erotização infantil.

1.bp.blogspot.comb Hoje, o que se quer no Bicha Fême é colocar a boca no trombone por causa de um problema de natureza bem séria. É para gritar em defesa da infância que esse post de hoje foi escrito, e com muito orgulho aderi a essa campanha promovida pelo blog “DIGA NÃO A EROTIZAÇÃO INFANTIL”, porque a causa é muito nobre. Ninguém duvida, certo?

206.15.255.2fysimages Fiquei sabendo da blogagem coletiva de hoje pelo blog “VIVER É AFINAR O INSTRUMENTO,  da Fátima. E pensei: quem disse que vou ficar de fora? Se podemos usar o nosso blog para reclamar de algo, fazer algum alerta, propagar conhecimento, informações úteis ou o que quer que seja, desde que visando o bem de todos, então “mãos á obra!”

O dia de hoje, 18 de maio, é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e á Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Por isso é que está ocorrendo essa movimentação na blogosfera a fim de que todos fiquemos alerta ao que tange esse problema: exploração sexual, abuso sexual, pedofilia e perigos na internet para crianças. O dia de hoje é para a gente parar e pensar a respeito, prestar a atenção ao redor e ver se estamos cuidando bem de nossas crianças.

www.debsphotographs.com Eu penso que quem tem criança em casa precisa se cercar de todos os cuidados para protegê-la desse mal, e isso começa na aquisição de informação a respeito não é, minha gente? Os pequenos são indefesos e precisam de nossa supervisão e proteção. Não podemos negligenciar isso e é de nossa responsabilidade zelar pela integridade física e psicológica deles, certo?

Ah! Que tal você participar desse movimento também, hein? Vai lá! Faz um post falando sobre o assunto e ajude a disseminar esse tipo de informação e alerta. Não custa muito!!

19 comentários sobre “Movimento na blogosfera em alerta contra a erotização infantil.”

  1. Fla comentou:

    Lidiane, tô contigo!
    Criança tem que ser criança e tem que ter total supervisão dos pais. Se isso acontecesse em todas as família, acredito que não existiriam tantas criança sofrendo violência no mundo.
    Eu acho que quem comete qualquer atrocidade com criança deveria receber um castigo muito, mas muito pior do que ir para a prisão. E não tô nem falando de pena de morte porque acho que também não vai fazer a pessoa sofrer… ela tem que sentir na pele aquilo que fez…
    Nossa é revoltante pensar que em pleno ano 2009 ainda se comente desse tipo de barbárie.

    Beijos
    Fla

  2. Patrícia Pirota comentou:

    Parabéns pela atitude, Lidi!!!
    Vou participar também! o/

    Sobre o seu comentário lá…
    Ah! Adorei o fato de você ouvir a minha companhia musical =)

    Obrigada por ser solidária!!!
    Mas, porque você abandonou a vida acadêmica? Aliás, o que você fazia? [curiosidade modeon]

    O fim dos babados já está lá…

    Tenha uma ótima semana, bonita!!!

    Bjão procê!

  3. Fatima comentou:

    Falou e disse lidi!
    Vc é demais!
    Bjs.

  4. Lidiane Vasconcelos comentou:

    É isso aí, Fla! É revoltante esse tipo de crime mesmo. Violência contra criança é uma covardia sem tamanho. Temos que ficar de olho!

    Beijos

    Oi, Patrícia!
    Pôxa! Muito massa que você também tenha resolvido aderir e entrar na blogagem coletiva. 😉

    Sobre a vida acadêmica, durante a graduação em História, trabalhei como pesquisadora no Arquivo Público de PE e era bolsista pelo PIBIC/CNPQ. Depois de formada, teria que dar aulas num primeiro momento, porque meu curso era licenciatura. Já na metade do curso, sabia que não queria dar aulas, mas resolvi concluí-lo. Depois de formada, precisava trabalhar o quanto antes. Até tentei o mestrado, mas a gente sempre tem notícias das panelinhas qua acontecem nesse meio e a entrada+a bolsa é sempre muito difícil. Comecei então a trabalhar em ambiente corporativo, e para me qualificar no que eu fazia, fiz pós-graduação em gestão de pessoas. Foi por aí que fui largando a vida acadêmica.

    Tenha uma ótima semana você também!
    Beijos

    Obrigada, Fátima!
    😀
    Beijos!

  5. Beta comentou:

    Muito bom o tema da blogagem coletiva… totalmente apoada!!!
    Já pensei num tema pra nosso post… vou começar a trabalhar nele amanhã. Hoje tá difiçu!!!
    Tem promô no criative-se hoje. Passa lá, tu tá sempre por lá não pode ficar de fora logo hoje, né?
    Mantenhamos contato.
    Bjks
    PS: O chá do Arthur no sábado foi um sucesso… assunto de post semana que vem coom certeza!!! 😉

  6. KAROL comentou:

    JÁ FIZ QUERIDA, TEMOS MESMO QUE FAZER ISSO, NÃO É MAIS UMA CAUSA A SE PROMOVER, É UM PROBLEMA QUASE FORA DE CONTROLE

    BEIJO E PARABÉNS PELO POST

  7. Patrícia Pirota comentou:

    Oi nega,
    Pois é. O tal professor disse aquilo mesmo, sem tirar nem por…¬¬

    Ah! A gente tem que ver a vida com bom humor, né. Senão fica tudo muito chato. Não adianta ficar amargando as coisas que nos aconteceram. Elas passaram e a gente ficou. E é isso que importa =)

    Menina! Sabe que as meninas que conheic lá no congresso era de História também! Olha que coincidência!
    Então, quando pretei o mestrado fiquei com medo dessa coisa de panelinha. Mas dei muita sorte de entrar numa instituição bacana, que não privilegia ninguém. E estou absurdamente realizada lá…
    E que bom que você está feliz no que escolheu…

    Ah! Eu tinha que aderir a campanha! Reclamo tanto das injustiças desse mundo, que não poderia deixar de ajudar quando tenho a possibilidade…

    Parece q

  8. Patrícia Pirota comentou:

    Ops! Apertei o botão sem querer!!! =)
    Continuando…
    ue nossos arquivos musicais estão em sintonia xD

    Bjão procê bonita!

  9. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Oi, Beta!
    Vou passar no Criative-se, sim. Pode deixar. 😉
    Fico daqui aguardando as fotos do chá de bebê…

    Beijos!

    Ótimo, Karol!
    É mais uma fazendo barulho e espero que tantas outras mais abra o “bocão” também. 😉

    Beijos!

    Ah, Patrícia! Que bom que tu não esquentou a cabeça com a famosa “panelinha”. Esquentei um pouco a minha… mas é passado…. que passou e eu fiquei, vivendo a vida do meu jeito, de um outro jeito, e feliz. 🙂

    Beijos!

  10. Fernanda comentou:

    Adorei a ideia… to dentro! bjo grande querida. Boa semana!

  11. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Ôba, Fernanda!
    Mais uma que adere? É isso aê!!!!!
    Beijos!

  12. Dolly comentou:

    Amiga, com um dia de atraso consegui finalmente por minhas postagens em dia… Atendi ao apêlo e fiz a minha postagem reinvidicatória e espero que o clamor de muitas vozes sirva pelo menos para promover o ínicio da agitação das águas. Sei que o caminho é longo, difícil mas quem sabe algum assessor daquela babilônia conhecida também como brasilia, tome essa causa como prioritária e com alertas vermelhos faça-os entender que isso é causa justa com prioridade zero.
    beijocas, Dolly

  13. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Aê, Dolly!
    Mais uma que aceita agitar a blogosfera no sentido de gritar sobre a violência contra a criança. Acho que qualquer esforço é válido, e se a gente escreve para um monte de gente ler nossos blogs diariamente, está valendo… e muito!

    Beijos!

  14. yvone comentou:

    Tô indo lá.

  15. Pingback: Blogagem Coletiva: "Em Defesa da Infância" | 30 & Alguns
  16. Trackback: Blogagem Coletiva: "Em Defesa da Infância" | 30 & Alguns
  17. Anna comentou:

    Fui lá postar atrasada, pois estava sem internet.
    Beijos

  18. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Beleza, Anna!
    Beijos!

  19. Pingback: Eu não canso de alardear… e você? « Bicha Fêmea
  20. Trackback: Eu não canso de alardear… e você? « Bicha Fêmea

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *