Início » Sem categoria » Bicha Fêmea em Foco

Bicha Fêmea em Foco

Carol e o Paquistão

lailanasheeba.files.wordpress.com 

Brasileira, apaixonada por um Paquistanês lindoooo e feliz por contar sobre o Paquistão.

 

O “Bicha Fêmea em Foco” desta semana tem uma proposta diferente. Quero contar a vocês que conheci o blog “Carol e o Paquistão”, e me encantou nele (no blog) a possibilidade de conhecer um pouco daquela cultura sob a ótica de uma mulher. Acho duplamente rica essa possibilidade, primeiro porque é um olhar feminino como o nosso e por isso, os assuntos abordados de alguma forma sempre passam pelo nosso universo. E além disso, acho legal a gente ter a visão de uma brasileira sobre aquela cultura porque a Carol fica encantada com o que qualquer uma de nós ficaria, e intrigada com o que qualquer uma de nós também acharia muito diferente. Para quem gosta, como eu, de conhecer sobre como vivem e pensam as mulheres paquistanesas e do mundo muçulmano, essa é uma boa e divertida alternativa de leitura no mundo dos blogs. Uma das melhores maneiras de aprender, penso, é tentando entender o diferente. clip_image001

Diz aí, você já teve oportunidade de viajar para outro país e ver uma cultura diferente de perto?

14 comentários sobre “Bicha Fêmea em Foco”

  1. Carol comentou:

    Adorei a homenagem
    seu blog eh otimo, versatil, amei as partes de moda! =)
    ja esta add nos favoritos beijos

  2. Anna comentou:

    Eu amo saber sobre culturas diferentes, como vivem, etc..
    Obrigada pela visita
    beijos

  3. Yvone comentou:

    Muito bom conhecer outras culturas. Fui até lá para conferir e achei que a Carol esta tirando de letra, mas sabe como é neh; nossa fama (nada mais do que pura fama) abala os sentidos de qualquer cultura.
    Felizmente tb. tive a oportunidade de conhecer um pouco da europa, nada tão exótico é claro, mas nas minhas andanças pelo mundão constatei que homem é homem em qualquer lugar do mundo e definitivamente TODOS ainda são machistas.
    Encontra-se na internet páginas e mais páginas sobre questionamentos, as conquistas das mulheres ao longo dos séculos – votar, trabalhar fora de casa, sexo casual, maternidade depois dos 30 e por ai vai.
    Entretanto o maior sucesso na área de discussões nas revistas e blogs femininos são temas, para não dizer reclamações, sobre a dificuldade para encontrar o “príncipe encantado”.
    Nas minhas incansáveis incursões pela web, li que a revista americana Cosmopolitan conduziu uma pesquisa com mulheres entre 18 e 34 anos, e descobriu que 77% delas declaram sentirem-se mais felizes quando estão namorando do que quando estão solteiras. Praticamente todas as solteiras que responderam à pesquisa prefeririam estar comprometidas com alguém. E, se for para escolher, mais da metade das mulheres optariam por encontrar o “o cara metade” em lugar de ter uma grande promoção no trabalho.
    Lendo tanta reclamação, é fácil perceber claramente o desgosto as aspirantes a Amelia ao revêem essas conquistas e afirmarem com todas as letras desse teclado que as perdas foram infinitamente maiores.
    Discussões como quem “paga a conta”, “Será que sou boa de cama?” são mais comuns do que imaginava. Que coisa mais machista. Cruz credo! Há ainda velhas questões relacionadas com os filhos, divisão de tarefas…Amiga acho que ainda é melhor ser homem viu!
    brigada pela visita e desculpe o relatporios(risoso)
    bjk e boa semana

  4. Denise comentou:

    Seu blog está mais legal a cada dia…vc é antenadíssima!
    Um cheiro!

  5. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Oi, Carol!
    Nossa! Fiquei “bestinha” de saber que você gostou desse espaço.
    Fique a vontade para voltar mais vezes, viu?

    Beijos.

    Oi, Anna!
    Sem dúvidas é muito legal saber sobre outras culturas, poi isso achei que as bichas fêmeas daqui iriam gostar. Que bom que gostou!

    Beijos

    Oi, Yvone!
    Que bom que gostou da indicação!
    Pois é, mulher, é como você disse: o machismo persiste, independentemente da cultura. Claro, há a diferença de graus. Mas que ele continua arraigado, não há dúvida. Só me questionei a partir de suas colocações se somos (nós as mulheres) tão responsáveis por isso (também) por causa das demonstrações de anseio por ter um homem ao lado. Se sim, acho injusto que o machismo se retro-alimente por causa disso. Afinal, eles também querem e precisam de nós ao lado deles, não? Essa necessidade que acredito ser natural e legítima em ambas as partes não pode ser motivo, ainda que subentendido, para que um se ache superior em detrimento do outro…

    Adorei sua intervenção nos comentários, apareça sempre e jamais se desculpe pela quantidade da escrita. Sinta-se a vontade porque aprecio e apreciei muito!

    😉

    Beijos.

    Oi, Denise!
    Bom te ler por aqui e receber um elogio seu.

    😉

    Beijos!

  6. Anna comentou:

    Obrigada pelos elogios, mas você também é maravilhosa, também tem muitas novidades, por isto acho que temos coisas em comuns.
    beijos

  7. Ana comentou:

    O bom de viajar é conhecer culturas diferentes, povos, lugares!
    Lidi, eu tenho blog desde 2002…..já tive vários….eu tenho um pessoal, depois passa lá. http://www.meusdois.blogspot.com
    E esse de decoração adorei fazer porque tudo que gosto está lá. Um bom arquivo né?
    Bjs!

  8. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Ah, Ana! Então você é blogueira há mais tempo. Pensei qùe não, que estivesse começando…
    Claro! Vou dar uma passada no seu outro blog também… 😉

    Beijos

  9. Lu Brasil comentou:

    Oba, ja vou lá conhecer. Bjs

  10. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Ok, Lu!
    Espero que goste.
    😉
    Beijos

  11. Marina comentou:

    oiii, eu já morei no Egito nove meses, também conheci um rapaz de lá e fui de mala e cuia!! Agora ele mora no Brasil comigo, também conto nossas peripécias no meu blog.

    beijos

  12. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Oi, Marina!
    Egito???? Nossa, quanta coisa diferente você deve ter vivenciado por lá, mulher! Vou visitar seu blog para saber detalhes…

    😉

    Beijos

  13. Carol comentou:

    =) obrigada pelas visitas

  14. Lidiane Vasconcelos comentou:

    Por nada, Carol!

    😀

    Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *